AFC Venus 1914: o lendário campeão romeno

Terceiro maior campeão nacional e agora apenas mais um modesto clube europeu, o antes gigante Venus, tenta se reerguer nas profundezas do futebol romeno.

200px-Sigla_venus
Símbolo do Asociația Fotbal Club Venus București.

Um time que transcendeu o futebol europeu vem chamando a atenção de quem gosta de futebol alternativo e claro, do futebol romeno. Sem as grandes conquistas do passado, o time vem sofrendo agora com seguidas humilhações nas últimas temporadas.

O AFC Venus é um clube do futebol de Bucareste, capital da Romênia, fundado em 1914 por um grupo de jovens estudantes da Escola de Artes liderado por Mitty Niculescu.

Posteriormente, nas décadas de 1930 e 40, o clube foi presidido por Gabriel Marinescu e Alexandru Eladescu, além de advogados e militares. Afiliado a FSSR em 5 de Julho de 1915, a equipe dominou o futebol romeno no período mais prolífico entre guerras. Assim os “Black Dragons”, como eram conhecidos, ganharam oito títulos do campeonato da  Romênia entre 1920 e 1940.

8cbe9-venusascbucurec59fti1919
Jogadores do Venus București na primeira conquista em 1919.

Em 1931 foi inaugurado o estádio do clube que tinha capacidade para 15 mil torcedores e era considerado como um dos mais modernos da época. Nas competições da Europa, o  Venus București teve a primeira participação na fase qualificatória da Copa Mitropa em 1937, sendo derrotado e eliminado pelo Újpest FC nos dois jogos, por 6 a 4 em seus domínios e 4 a 1 no território húngaro. Durante o ano de 37, o clube teve o comando do lendário ex-jogador húngaro, Franz Platko, ídolo do Barcelona e com passagens pelo futebol sul-americano.

meci
O debut do Venus em torneios europeus.

Anos seguintes, o Venus București voltaria a participar do primeiro torneio entre clubes europeus, sendo eliminado em 1939 e 1940, nas quartas de final, para o mesmo AGC Bologna (hoje Bologna FC).

O único torneio o qual o Venus București não conseguiu a conquista em seus anos de glórias, seria a Taça da Romênia, torneio em que foi vice-campeão no de 1940 e foi semifinalista em outras cinco edições: 1937, 1938, 1939, 1941 e 1942. Talvez a última grande apresentação notável na história do Venus tenha ocorrido justamente na Copa no ano de 42, já com a paralisação do campeonato romeno nos 6 anos seguintes, devido à segunda guerra mundial. Na temporada de 1945/1946, o Venus sofre o primeiro rebaixamento e no ano seguinte estando na segunda liga, termina apenas em 5º colocado, em uma liga da qual apenas as três primeiras equipes subiram para a primeira divisão.

stadion-venus
Estádio do Venus (1931-1953).

Após o final das guerras, seguindo as restrições impostas pelo regime comunista de se unirem ao sindicato, o Venus tentou sobreviver, e se juntou a outros pequenos times da cidade, formando o UCSF Venus. Em 1949, o clube iria disputar a Divisão C, mudando seu nome para ICAS Bucureşti. Mas em fevereiro do mesmo ano, a Divisão C é extinta e em 1949 o clube desapareceria do mapa do futebol romeno.

Em 1953, a área onde era a Venus Arena, foi demolida e construíram um parque no local. Refundado agora em 2014, por parentes de ex-jogadores da época da guerra, o Venus não possui o mesmo prestígio e nem o antigo estádio. Hoje o time joga no modesto Stadion Biruinta, na 4° divisão da Romênia.

12063681_1705303669739157_2011369045897696965_n.jpg
Lance da partida do Venus na quarta liga.

Falando no presente, o AFC Venus não vive um grande momento. É o último colocado da Liga IV, mas o que tem de tão ruim nisso?

Bem, o time jogou 16 jogos na temporada e perdeu todos. Fez 15 gols e sofreu incríveis 138 gols. Nos 16 jogos, o time perdeu algumas partidas por 11 a 0, 15-0, 10-2, 9-0 e até mesmo por 26 a 1, para o vice-líder AS Academia Rapid.

A última vitória do AFC Venus 1914 aconteceu há quase um ano, no dia 6 de maio de 2017, contra o CS Progresul București, por 8 a 3. Com esse resultado o clube lavou a alma, porém, a campanha foi extremamente pífia e o clube terminou em 12º colocado, dentre quinze equipes participantes.

O futebol romeno e o seu grande problema com manipulação de resultados podem afetar o Venus, que no futuro visa restaurar a memória de Bucareste do início do século 20, para recuperar os valores e promover o envolvimento da cidade com o futebol.

c3d3c88d707dedbd00cf5a8c10787b9f
O lendário campeão romeno.

Alguns jogadores históricos do clube que tenta se reergue novamente: Iuliu Bodola, os irmãos Valcov, Jean Lapusneanu, Silviu Ploesteanu, Constantin Humis, Alfred Eisenbeisser e Mitty Niculescu.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s